Depoimentos

Marilda de Loudes Destri – Sarandi – RS


A minha vida se divide em duas etapas: anterior a 21 de maio de 2012 e a atual. A anterior foi marcada por uma grande deficiência de visão, uma alta miopia de nascença, segundo a opinião de vários oftalmologistas. Quando criança, usava óculos com grossas lentes que pouco me ajudavam, até que, em 1976, comecei a usar lentes de contato. Com elas, consegui cursar uma Faculdade e trabalhar como professora. Em 2010, já aposentada, notei que, apesar do uso das lentes de contato, enxergava cada vez menos. Foi diagnosticado que eu estava com catarata em ambos os olhos.

Através de amigos e de um comercial veiculado pela TV, ouvi falar do HOSPITAL DA VISÃO de Passo Fundo. Um médico da família, Dr. Olavo Donazzolo, havia feito cirurgia nesse Hospital e recomendou. Marquei uma consulta com o Dr. Gilberto Vargas, e, desde o início, senti a confiança e a tranquilidade de que precisava.
Realizei vários exames, alguns, por três vezes, pois o Dr. Gilberto, sendo muito preciso, só faria a cirurgia quando tivesse plena certeza do grau das lentes a serem implantadas. Entre o período de 19 de junho a 03 de julho foram realizadas as cirurgias.

Nos dias posteriores, quando a enfermeira retirava o tampão, sentia uma grande emoção, quase não acreditando que estava enxergando tão bem.
Hoje sou outra pessoa, libertei-me das limitações que a pouca visão me impunha, por isso só tenho a agradecer. Em primeiro lugar, a Deus, por ter colocado em meu caminho pessoas sérias e competentes como encontrei no Hospital da Visão. Desde a chegada à recepção, tudo é diferenciado: o tratamento ao paciente é especial, e o bloco cirúrgico é dotado de aparelhagem de última geração. Agradeço aos colaboradores, em especial à Talita e Adriana; ao Dr. Tiago Costa e Dra. Ivanise, pela realização dos exames.

Ao Dr. Gilberto Vargas, não tenho palavras suficientes para expressar meu agradecimento: sua dedicação, competência e paciência, fazem dele um grande profissional, uma honra para a classe médica. Só os que o conhecem, conseguem avaliar a extensão das minhas palavras. Que Deus o abençoe no desempenho de tão nobre missão, que é a de dar qualidade de vida às pessoas. Agradeço também à minha cunhada Cleci Destri, incansável companheira de jornada, e à minha família, pelo apoio recebido.

Quando questionada, recomendo sempre o Hospital da Visão, que, com certeza, é um Centro de Referência no tratamento de problemas oftalmológicos. Renovo meus sinceros agradecimentos a todos.

Rosa Maria da Silva Ramos


Sai hoje uma pessoa absolutamente feliz com a minha visão. Era míope desde que nasci. Apesar das lentes de contato e dos óculos, enxergava muito mal para longe. Em razão da catarata precisei recorrer à cirurgia. Escolhi o Hospital da Visão aleatoriamente. Foi esta escolha, uma grata surpresa. Aqui todos são maravilhosos, sem exceção.

Operei-me com o Dr. Gilberto Vargas, que é um profissional de ponta, competente e amigo. Fui muitíssimo bem atendida por todos, do porteiro às atendentes. Aliás, o grande diferencial deste Hospital é justamente o atendimento.

Hoje estou recebendo alta, com a visão perfeita para longe e para perto. Obrigada Dr. Gilberto Vargas! Obrigada a todos!

Odolyr Foresti


Convivi com a ideia de fazer o processo cirúrgico por aproximadamente 1 ano, talvez mais. Confesso que a princípio a idéia não me atraia, absolutamente. Tal fato se deveu a falta de informação que tinha a respeito do que iria acontecer comigo. Aliás, não me preocupei em procurar subsídios que me tranqüilizassem, em função de que, no meu ponto de vista, apesar de ver minha visão ser prejudicada semanalmente, eu ia “empurrando de barriga”.

Tinha sim, falsas informações, completamente errôneas de todo o processo e o receio com a anestesia começou a ser o mais constante, se transformando no final, numa quase fobia.

Na medida em que, meu tempo começava a se esgotar, era evidente meu constrangimento e o receio aumentava. Precisava conversar com alguém que, me transmitisse confiança e me dissesse que o processo cirúrgico era inevitável, mas, aconteceria, sem traumas.

O grande diferencial nesses momentos é sem dúvida a conversa mantida com a pessoa responsável pelo processo todo, no caso Dr. Gilberto Vargas. Conversa essa que me deixou absolutamente tranquilo, ainda mais quando me informou que, um amigo comum, já havia passado pelo processo há poucos dias.

Não tive dúvidas, usei minha experiência como jornalista e após uma “entrevista” com esse amigo, simplesmente optei na hora pela cirurgia, que era inevitável. O que mais me marcou foi a atenção dispensada por toda equipe do Hospital da Visão no meu pré e pós operatório. As profissionais que ficaram ao meu lado, simplesmente me passaram exatamente aquilo que precisava na hora. Confiança, atenção, tranquilidade e me deixaram certo de que, estava eu nas mãos de quem se importava comigo.

Quanto ao processo em si, a cirurgia, dispensa maiores comentários, uma vez que estava nas mãos de um médico e amigo, como era o caso do Dr. Gilberto. Desnecessário seria falar do seu profissionalismo. Apesar de que, com certeza, é de uma capacidade incontestável, além de um verdadeiro mestre naquilo que faz e com uma perfeição invejável.

Fora isso, um arrependimento. Deveria ter me submetido antes, bem antes a essa cirurgia, uma vez que, para quem não sabe, o processo é todo indolor.
Obrigado Dr. Gilberto Vargas e toda equipe que, fazendo seu trabalho profissional, devolvem a autoestima das pessoas.
Um grande abraço e mais uma vez, obrigado…meus amigos.

Maria Eni Rosa de Lima – Santo Ângelo – RS


Agradecimento

Obrigada meu Deus
Obrigada Sr. Antônio Rousselet
Indicou-me o Hospital da Visão
Uma cirurgia de catarata
Já realizei

Que retorno feliz
Com clareza enxergando
As casas, as flores
O verde dos campos, das matas
Tudo brilhando

Fé em Deus
Confiança no médico
Logo estarei voltando
Cirurgia do olho direito
Tranquila, realizando

Obrigada Dr. Gilberto
Do fundo do meu coração
Deus abençoe a todos
Médicos, enfermeiros(as) e funcionários
Do Hospital da Visão

Orlando Shemmer – Panambi – RS


Eu estava sentindo bastante dificuldade de visão, tanto para longe quanto para perto e usava óculos de aproximadamente 5° cada olho. Foi então que decidi fazer uma consulta para definir se havia algum procedimento que eu pudesse me livrar dos óculos. A partir disso, foi diagnosticado catarata em ambos os olhos, ou seja, a solução estava em me livrar da catarata e não dos óculos. Fiquei preocupado no início, mas resolvi fazer de imediato a cirurgia para correção.

Hoje posso dizer que estou muito satisfeito com esta cirurgia, pois quando fui orientado sobre o procedimento, me informaram também que a visão ficaria boa somente para longe, mas não sinto dificuldade alguma para leitura. Aproveito este momento para agradecer o Dr. Klaus (Ijuí) e Dr. Bruno (Panambi) que me encaminharam para o melhor profissional em cirurgia de catarata do Rio Grande do Sul e também á esta equipe extraordinária que me acompanhou em todos os momentos, em especial a Enfª. Talita que forneceu todo o apoio e orientações que eu deveria proceder antes e depois da cirurgia.

Muryllo Della Mea


Havia tempos que eu passava em frente ao hospital e que me preparava para ter de enfrentar a cirurgia de catarata. Chegou o grande dia… Fui ao hospital para primeiramente agendar uma consulta com o Dr. Gilberto, neste momento pude observar que este serviço possui alto padrão de qualidade, profissionais altamente capacitados, atendimento de primeiro mundo sem falar da pontualidade, atenção e organização das pessoas que trabalham neste local. No mesmo instante, tive a maior convicção de que este era o lugar certo para eu realizar uma cirurgia tão delicada e de grande complexidade. Abro aqui, ressalvas ao Dr. Gilberto, excelente profissional, atencioso, humano, dedicado, com uma educação dificilmente encontrada em outros serviços de saúde e demais áreas.

Quanto à cirurgia, não há palavras para expressar tamanho benefício para independência física e motora. Posso dizer que a partir deste momento sou uma pessoa nova, pois agora estou com a visão “limpa”, aberta para apreciar as maravilhas do mundo e me tornar uma pessoa ainda mais feliz.

Padre Tenário Seibel


Posso assegurar que fui muito bem atendido pelos funcionários deste hospital. Fui melhor atendido pelas enfermeiras. Elas tem capacidade e jeitinho especial de pingar o colírio para dilatar a vista. Louvor especial merece o Dr. Caio Augusto Scocco pela esclarecedora consulta. É admirável sua técnica na cirurgia, afirmo que não sofri dores em todo o procedimento. Também elogio os esclarecimentos corretos e exatos para o período da recuperação.

Marina da Silva Roque


Há mais de 20 anos que tinha dificuldade para enxergar e nenhum profissional acertava o diagnóstico, aqui no Hospital da Visão com profissionais altamente capacitados fui diagnosticada com catarata, o Dr. Gilberto Vargas indicou a cirurgia para ambos os olhos, realizada a mesma sinto-me renovada, pois voltei a enxergar muito bem.

Agradeço a toda a equipe que desde a recepção até o final da consulta e das cirurgias me encaminharam com muito respeito, dedicação e carinho.

Elvira Furlanetto Muraro – Nova Bassano – RS


Há mais de 20 anos uso óculos por causa da dificuldade de enxergar, mas também pelo fato de ter diabetes e um pouco de catarata, que foram prejudicando cada vez mais minha visão. Até que um dia fui encaminhada pela minha Dra. Neri Licks ao Hospital da Visão, desde a chegada, a primeira vez que fui ao Hospital fiquei encantada pelo excelente atendimento.Antes de marcar a cirurgia, passei por diversos aparelhos e após isso marquei a cirurgia do olho esquerdo, tão grande foi a minha alegria que depois de 15 dias marquei a cirurgia do olho direito. Minha surpresa foi quando tirei o tampão aonde tudo ficou claro e colorido e minha visão ótima. Dou graças à Deus por ter conhecido esta equipe maravilhosa.

E por fim quero agradecer muito ao Dr.Caio e ao Dr. Gilberto, por este milagre e a toda equipe do Hospital da Visão pelo ótimo atendimento prestado tanto à mim quanto à quem me acompanhou. Muito Sucesso e Parabéns à todos e que Deus os ilumine Sempre!

Maira Mistura Ceratti – Marau – RS


Para a equipe do Hospital da Visão
Que maravilhoso foi o dia em que conheci esse hospital. Quero agradecer a todos os que trabalham pelo carinho e dedicação aos que aí precisaram de atendimento médico e hospitalar.

Ao fantástico Dr. Gilberto Vargas que com sua capacidade intelectual faz essa cirurgia tão maravilhosa em que o ser humano volta a enxergar e ao seu sucesso profissional.

A Cláudia, essa maravilhosa pessoa com sua atenção e dedicação aos pacientes que chegam que os deixa tranquilos e felizes. As meninas as quais atendem, parabéns, pois não sei o nome de todas, apenas da Bárbara, continuem sempre assim atendendo com muito amor e carinho.

A recepcionista da entrada é uma pessoa de dedicação incansável pelo seu atendimento a todos os que chegam.

Parabéns a todas as meninas dos outros setores de exames pelos quais passei, pela atenção e carinho que recebi. Aos outros doutores, parabéns pela eficiência de cada um. As meninas do bloco cirúrgico, que pessoas maravilhosas que me deixaram tão tranquila com a música que colocaram para me tranquilizar, meu muito obrigado.

Como a pessoa sai feliz quando encontra um lugar tão maravilhoso como o Hospital da Visão em todos os aspectos. A estrutura, posso dizer, é de primeiro mundo, isso falo todos os dias em minha cidade. Fui agradecer a Dona Genir Bertolin, por ter me indicado o Dr. Gilberto.

Quero ainda parabenizar a senhora da lanchonete pela atenção e dedicação.

Deixo meu agradecimento com muito amor e carinho a todas as pessoas que fazem parte da equipe do Hospital da Visão. Não faço prova para avaliar o conteúdo como quando lecionei matemática por muitos anos, mas faço uma prova escrita com palavras que saem do fundo do meu coração, avaliação recebida e escrita por mim através do gesto de cada um de vocês: Nota Dez, parabéns.

Desejo a todos um feliz natal com muita saúde, paz e alegria e que o Ano Novo chegue com muita prosperidade e que tudo que almejam no próximo ano seja alcançado.

Humberto Mario Baldissarella


O atendimento que tive no Hospital da Visão foi seguro, tranquilo, com responsabilidade e competência de primeiro mundo.

Encontro-me feliz com a cirurgia do olho (catarata), “olho zerado”, aconselhando aos meus amigos e familiares os serviços do Hospital da Visão (Dr. Gilberto Vargas e sua equipe). Obrigado.

Mari Regina da Silva Bueno


Eu Mari Regina restabeleci a visão total após cirurgia de catarata. Possuía anterior a cirurgia uma alta miopia. Portanto até a miopia foi corrigida, eu não enxergava.

Agradeço a Enfermeira Claudia, por sua dedicação profissional, o seu amor também as pessoas. Os meus agradecimentos ao cirurgião Dr. Gilberto Vargas.

João Adão da Silva


Me chamo João A. da Silva, tenho 42 anos e usei lentes de contato gelatinosas por 15 anos, por sofrer de miopia e astigmatismo em grau muito alto e mais o diagnóstico de catarata, resolvemos optar pela cirurgia, digo resolvemos porque eu e minha esposa decidimos juntos por esta opção. Através de amigos chegamos até o Hospital da Visão; conhecemos o dr. Gilberto Vargas, passei por uma consulta, avaliação e exames, fui então informado que poderia realizar a cirurgia, foi corrigido a miopia e a catarata e implante de lente; Fiquei com medo mas graças a Deus deu tudo certo, o Hospital da Visão é ótimo e muito bem equipado, o dr Gilberto e toda a equipe são pessoas competentes e atenciosas que nos passam segurança e tranquilidade.

Quero agradecer ao Dr. Gilberto, a enfermeira Claudia e toda a equipe do Hospital da Visão pela atenção, carinho e competência na qual desempenham suas funções com muita responsabilidade; A minha esposa agradeço o carinho e a coragem de ter me incentivado a passar por esta cirurgia, pois agora consegui restabelecer a minha visão e enxergar tudo de modo diferente e melhor, me sinto feliz e realizado.

Olivia Cornelius – Condor – RS


Minha vista ficou boa depois da cirurgia de catarata. Gostei de consultar nesse médico e a turma que trabalha com ele é tudo gente boa, especial. Antes usava óculos para longe e perto e agora só uso para ler e costurar. Na minha revisão dos trinta dias trouxe meu irmão e cunhada para consultar com o Dr. Gilberto.

Adriane Motyczka Bubans


Usava óculos desde os 11 anos e devido ao uso de medicação forte, criou-se catarata nos meus olhos. Foi quando fui encaminhada ao Dr. Gilberto Vargas em novembro de 2008. Depois de vários exames fiz a cirurgia de forma simples e rápida, graças a eficiência dos profissionais. Fiquei encantada, é fantástica a tecnologia aliada a competência da equipe e a estrutura que o Hospital da Visão nos oferece. Agora uso óculos para leitura. Vejo o mundo colorido, limpo, nítido, claro, perfeito.

Remi Mazzonetto Dal Canton – Frederico Westphalen – RS


Dia 12 de dezembro de 2008, fazendo um mês após minha cirurgia, venho ao meio desta contar como era minha visão antes de minha cirurgia.
Desde criança tinha dificuldade em enxergar. Meus pais e irmãos diziam que era costume, pois sempre tinha que chegar muito perto para ver algo.

Na época era tudo difícil, não se se tinha mesmo condições de procurar um oftalmologista. Ficando cada vez mais difícil, procurei fazer um exame de visão, os médicos se apavoraram com o meu problema, começando a batalha, cada ano aumentava a lente dos meus óculos, até que agora meu médico disse que teria que procurar um recurso melhor, ele me assustou, até fiquei desesperada pois ele me falou que teria que fazer uma cirurgia de risco e me indicou o Dr. Gilberto Vargas, então procurei logo marcar uma consulta e para minha alegria ele me disse que teria solução e então marquei a cirurgia e felizmente hoje posso ver o azul do céu, o verde da natureza e quanto é belo este mundo em que vivemos. Agradeço ao Dr. Gilberto que fez esta maravilha em me fazer ver coisas que aos meus 62 anos nunca tinha visto algo igual.

Agradecendo novamente ao Dr. Gilberto e que Deus abençõe suas mãos a fazer diversas pessoas felizes como eu! Meu muito Obrigado!

Nelita Maria Zanatta


Agradeço em especial a Dra. Ivanise por ter me encaminhado à cirurgia, ao Dr. Gilberto, enfermeiras e equipe pelo acolhimento, dedicação, aptidão, enfim, organização destacável, por me proporcionar qualidade na visão, com a qual agora poderei admirar o horizonte e até o mar distante. Obrigada, obrigada, obrigada…

O “Hospital da Visão” faz jus ao nome que tem, pois “visão” também significa “Imagem vã, que se acredita ver em sonhos” e realizei um dos meus sonhos: poder ver sem ter que fazer uso de óculos com grau elevadíssimo, graças aos que lá laboram, com empenho, perseverança, dedicação e em ambiente privilegiado.

Araci Schaeffer Veiga – Não-Me-Toque – RS


Estou com 55 anos e neste mês de setembro de 2008, realizei um dos meus sonhos; sempre admirei quem usava óculos de sol e eu não podia usar porque tinha miopia e precisava de lentes de grau. Foi através do Hospital da Visão, com a equipe do dr Gilberto Vargas que fiz a cirurgia para o implante de lentes.

Realizei um sonho e hoje me sinto bem, feliz, realizada e já estou de óculos de sol. Obrigada à todos da equipe do Hospital da Visão.

Chemel Naufal – Carazinho – RS


Fiquei surpreso ao encontrar em Passo Fundo uma clínica tão completa como o Hospital da Visão, em todos os sentidos, principalmente a atenção que recebemos da equipe.

O doutor Gilberto Vargas, que me atendeu e fez a cirurgia de catarata além da técnica aprimorada, ele nasceu com o dom de exercer a medicina. Antes da cirurgia eu não conseguia distinguir as cores e hoje me sinto com a visão melhor de quando eu era jovem, perfeita.

Alfredo dos Santos – Vacaria – RS


Meu nome é Alfredo dos Santos, tenho 72 anos, sou casado e moro na cidade de Vacaria, RS.

Fazendo a visita periódica ao oftalmologista ficou constatado através dos exames que eu tinha catarata em ambos os olhos, porém a do olho direito, apresentava necessidade de cirurgia com certa urgência. Meu plano de saúde é do Instituto de Previdência do Estado (IPE) e através dele obtive endereços de alguns hospitais da cidade de Passo Fundo.

Entrando em contato com eles me decidi e agendei uma avaliação no Hospital da Visão, para o dia 23 de maio passado às 09:30 horas. Tamanha foi a minha surpresa pelo acolhimento e pelos esclarecimentos recebidos do Dr. Gilberto Vargas, que é o cirurgião especialista em catarata – cirurgia refrativa e diretor técnico daquele hospital. Ao me informar sobre os procedimentos para a cirurgia, ele também me passou muita confiança.

Voltei para casa com um pequeno tratamento e cirurgia marcada para o dia 03 de junho às 13:30 horas. Todos naquele hospital, do corpo clínico à recepção são pessoas maravilhosas que amam o que fazem e dignificam a missão que desempenham.

Dr. Gilberto, a visão do meu olho está excelente e mais uma vez muito obrigado por tudo. Um grande abraço do cliente e agora amigo Alfredo.

Rev. Carlos Huberto Hasse


Em meados do ano passado, minha visão começou a ficar embaçada. Parecia que tinha baixado uma cerração na frente das vistas. Achei que eram as lentes, pois meus óculos já tinham lentes em torno de quatro graus para perto e dois graus para longe. Marquei uma consulta com o Dr. Gilberto Vargas que garantiu estar tudo bem com os óculos, o problema era uma catarata em andamento.

Marcada a cirurgia, fui meio preocupado, afinal, a gente sempre fica com um pé atrás quando se trata de mexer nos olhos. A cirurgia foi muito bem. Foi feito implante de lente intra ocular. Fiquei com o olho tampado até o dia seguinte. Quando o Dr. Gilberto tirou o curativo, realmente se confirmou um milagre. Que visão maravilhosa! As cores, a natureza, as pessoas… tudo ficou mais bonito!

Ao longo da minha vida vi Deus realizar feitos incríveis nas pessoas e através das pessoas. Mas quando o milagre acontece com a gente, a nossa fé em Deus torna-se mais forte ainda. Hoje não preciso mais óculos nem para o computador, apenas uso um bem fraquinho para leitura em ambientes menos iluminados. Sou grato a Deus por esta experiência de vida tão marcante. E um grande abraço ao Dr. Gilberto, instrumento de Deus para mostrar ao mundo que os milagres existem sim!

Michele Bitencourt – Lagoa Vermelha – RS


Hoje me sinto feliz e estou muito satisfeita com o resultado da minha cirurgia. Usava óculos desde os 8 anos de idade e percebia que nunca tive uma visão normal do mundo ao meu redor. Após a cirurgia de miopia e astigmatismo já senti que estava conseguindo ver tudo diferente e de forma clara.

Apesar do nervosismo no dia da cirurgia, me senti em boas mãos, pois a equipe médica me transmitiu muita confiança e tranquilidade para que tudo fosse um sucesso. A recuperação foi lenta e gradativa, mas procurei seguir todas as orientações que recebi, e tudo foi um sucesso.

Hoje após dois meses, já me sinto totalmente independente sem uso de óculos ou lentes de contato, pois consigo enxergar perfeitamente. Agradeço ao Dr. Gilberto e toda sua equipe, pelo carinho, atenção e dedicação. Sem todo esse cuidado não estaria com 100% da minha visão. Muita obrigada! Estou muito feliz e satisfeita, graças a vocês!

Cristina Aparecida dos Santos Vogl – Soledade – RS


Gostaria de deixar meu depoimento registrado, fiz cirurgia dia 07/07/2011, ainda estou no pós-operatório. Faço questão de agradecer publicamente ao doutor Tiago que foi maravilhoso comigo, esclarecendo todas as minhas dúvidas, onde fiquei mais tranquila e confiante. As meninas do bloco cirúrgico também são muito atenciosas. Para finalizar gostaria de dizer que indico o Hospital da Visão para meus amigos e principalmente o médico que me atendeu que é um excelente profissional.

Alexandre Luiz Freitas


Estou muito satisfeito com a cirurgia, foi tudo excelente. Eu usava óculos há mais ou menos 20 anos, tinha miopia e astigmatismo e usava aproximadamente 6 graus em cada olho. Hoje sinto minha visão 100%. Não sou mais dependente de óculos, pois consigo enxergar perfeitamente sem usar nada. Observei isto nitidamente ao dirigir a noite, ir à praia, passear, acordar de manhã e até mesmo assistir televisão. A sensação é de que me libertei de algo que me aprisionava o tempo todo.

Está fazendo quase 1 ano que fiz a cirurgia e ao retornar a consulta de rotina, o Dr. Gilberto informou que estou com a visão praticamente perfeita. Agradeço a todos por me fornecer novamente uma visão digna para todos. Obrigado.

Cesar Augusto Cavazzola – Porto Alegre – RS


Há anos frequentando o Hospital da Visão como míope, encerrando há poucos dias este ciclo com a cirurgia de correção, tive sempre o melhor atendimento pelos médicos e pela equipe altamente qualificada que trabalha no local. Toda a ansiedade que temos ao nos submeter a uma cirurgia tão delicada e complexa é minimizada pelo atendimento que preza pela excelência, além da disponibilidade de todos para nosso conforto e segurança. A todos os que trabalham no Hospital da Visão, agradeço pelo ótimo trabalho!

Marciane Moraes Link – Horizontina – RS


Gostaria de parabenizar o atendimento e recepção no Hospital da Visão.

Eu e meus familiares fomos muito bem atendidos. Primeiramente foi realizado um acolhimento onde me deixaram muito tranqüila para realizar a cirurgia. Com relação ao momento da cirurgia, a pré-preparação e pós-cirurgia foi muito bem conduzida, durante todo momento tinha uma enfermeira informando o que estava acontecendo e passando as orientações. Fiquei segura em estar nas mãos de ótimos profissionais. Já indiquei e indico os serviços do Hospital da Visão, podem ter certeza que estarão em boas mãos. Obrigado pessoal.

Clóvis Darci Segatti – Santa Rosa – RS


Quero parabenizá-los pelo atendimento recebido de vocês. Realmente vocês são referência, mas não apenas pelo impecável serviço técnico oferecido, mas também pelo atendimento prestado; e mais ainda, prestado não apenas ao paciente, que no caso fui eu, mas aos meus pais que me acompanharam naquele dia. Eles ficaram encantados pelo tratamento que também receberam, desde a cafeteria até à sala de cirurgia, que mantinha-os informados sobre o andamento do meu procedimento. Muito sucesso à vocês e mais uma vez parabéns! Abraço.

Luciana Trombini Heinrich


Tenho muito a agradecer ao Dr. Gilberto Vargas e a sua equipe desde o dia 21 de maio de 2008. Foi desta data em diante que passei a ver o mundo com outros olhos! Já fazia um bom tempo que eu pensava em fazer a cirurgia refrativa, mas por motivos pessoais como falta de tempo, não havia conseguido agendar uma consulta com o Dr. Gilberto.

Como já estava com meu problema de miopia estabilizado, consegui um horário vago em minha agenda e marquei uma consulta com o a equipe do Dr. Gilberto. Muito minucioso e cuidadoso, o Dr. Gilberto me examinou e constatou que eu estava pronta para realizar a cirurgia.

No dia da cirurgia fui confiante e crente de que eu estava em ótimas mãos, com profissionais altamente qualificados. Trabalhei até às15horas, mas mantive o jejum pré-cirúrgico, já orientado pela Enfermeira Cláudia desde o momento em que fora agendada a data da cirurgia. Tenho muito a agradecer à Enfermeira Cláudia, excelente profissional que sempre me orientou e atendeu com calma e paciência.

Cheguei ao bloco cirúrgico acompanhada por meus pais. Prontamente fui atendida por uma enfermeira que me indicou como proceder à troca de roupas, para que eu estivesse vestida apropriadamente para a cirurgia. Lembro-me de que nunca fui deixada sozinha, sempre esteve uma enfermeira junto comigo, para que eu ficasse calma e tranquila, sempre conversando comigo, assuntos do dia a dia, assuntos que não me deixavam pensar em ficar com medo ou nervosa. Fiquei descansando em um sofá-cama muito confortável, até chegar o momento da cirurgia. Essa etapa pré-operatória foi muito importante para mim, fui me acalmando e me acostumando com aquele ambiente, tudo foi muito tranquilo. Fui conduzida, de mãos dadas com duas enfermeiras, para a sala de cirurgia, onde estava o Dr. Gilberto, já me esperando com sua alegria costumeira.

Lembro-me que deitei numa mesa cirúrgica, auxiliada sempre pela equipe médica, o Dr. Gilberto sempre ficava falando e me explicando o que ele estava fazendo, como eu deveria ficar, se com o olho parado ou não, etc… Enquanto ele operava, a equipe médica me alcançou uma espécie de bola relaxante, para que eu segurasse em minha mão, distraísse minha atenção da cirurgia em si, e me concentrasse nos movimentos da bola, sendo que, desta forma, nem vi passar o tempo.

Ao sair da sala de cirurgia eu me sentia ótima, nem parecia que havia sido operada. Não senti nada nos meus olhos, nem antes, nem durante e nem depois da cirurgia. Correu tudo bem, tudo ótimo. O Dr. Gilberto me explicou sobre a lente que fica dentro do olho, para fazer a cicatrização do olho, então fiquei bem tranquila.

Em casa, o pós-operatório foi tranquilo, utilizei a medicação prescrita pelo Dr. Gilberto, pinguei corretamente os colírios indicados e fiz o repouso recomendado. Coloquei compressas geladas de chá de camomila, para acalmar a sensação de calor nos olhos. Fiquei sem assistir TV nem ler livros e revistas durante cinco dias, também não fiquei em locais claros, procurei ficar no escuro, ouvindo música e relaxando, o que para mim foi ótimo, pois minha rotina de trabalho, como professora, é muito estressante. Aproveitei para descansar bastante.

No terceiro dia de recuperação, senti muita intolerância à luz, a chamada fotofobia, então telefonei para o Dr. Gilberto que me pediu para ir vê-lo imediatamente. Chegando lá, não havia nada de errado com a cirurgia, era apenas a fotofobia. Tranquilizada pelo que eu havia ouvido, retornei para casa e continuei meu repouso.

No quinto dia, fui até o Hospital da Visão para retirar as lentes curativas. Fui examinada e estava tudo bem, conforme o Dr.. Fui liberada para voltar ao trabalho, para assistir TV e utilizar o computador, mas tudo devagar, aos poucos.

Na próxima semana fui novamente ver o Dr. Gilberto. Tudo estava bem, meus olhos estavam cicatrizando bem, eu estava me sentindo ótima. Agora que já se passaram sete meses, fiz uma revisão, para ver se meus olhos estão bem. Li direitinho tudo o que o Dr. Gilberto me mostrou, fiz todos os exames, estou ótima, cada vez melhor! Só tenho a agradecer ao Dr. Gilberto e à sua equipe, que foram excelentes e realizaram o meu sonho de abandonar os óculos e conseguir ler, ver, assistir aos meus filmes preferidos.

Muito obrigada Dr. Gilberto e equipe! Estou muito mais feliz hoje, graças aos seus serviços! Estou escrevendo e lendo este depoimento sem óculos, graças a vocês!

Ildo B. Biavati – Sananduva – RS


Eu, Ildo B. Biavati, há 27 anos usando óculos, pois tinha miopia, a cada ano a visão estava ficando mais comprometida, preocupado com a situação, optei por algo que pudesse solucionar o meu problema, após algumas pesquisas na internet, fiquei sabendo que com uma cirurgia, eu voltaria a ter uma visão perfeita novamente, num site de busca, encontrei Hospital da Visão, consegui o E-mail: [email protected], através do contato com o Dr. Gilberto Vargas, pedindo informações, onde foi marcado uma consulta, foi constatado que seria possível uma cirurgia a laser , sendo marcada e realizada com sucesso, não sendo necessária a internação.

Hoje já se passam 30 dias e já recuperei totalmente a visão, onde não é mais necessário o uso de óculos, isso tudo graças ao trabalho da equipe de médicos e enfermeiras do Hospital da Visão, que transmitem confiança, segurança e tranquilidade, pois são profissionais qualificados e trabalham com equipamentos de ultima geração.

Agradeço a equipe do Hospital da Visão de Passo Fundo, pela especial atenção.

Everton Wojahn – Carazinho – RS


Há mais de 15 anos usava óculos e depois por 5 anos utilizei lentes de contato. Embora bem adaptado ao uso das mesmas, o manuseio diário das lentes, o desconforto ao final do dia e também em função do meu trabalho – sou agrônomo e o contato da lente com a poeira não é nada agradável – achei que estava na hora de realizar a cirurgia.

Um aspecto que me impediu de realizar a cirurgia antes era o que não estaria me livrando de usar óculos, apenas trocaria a visão corrigida de longe para o uso de óculos para perto. Mas o que me surpreendeu foi a rapidez da cirurgia, sem dor nenhuma e com recuperação mais rápida ainda. E a gente já sai da sala de cirurgia enxergando melhor do que antes.

O pós-operatório é muito tranquilo, principalmente se as orientações médicas forem seguidas à risca. Para a minha surpresa e felicidade, na consulta de revisão após 30 dias da cirurgia do primeiro olho, a visão para perto voltou ao que era antes e hoje não uso óculos nem para longe (o que já justificava a cirurgia) e nem para perto.

Para resumir, hoje o meu único arrependimento em relação a cirurgia, foi o fato de não tê-la feito há pelo menos 5 anos atrás. Abraço.

Gelso Fernandes Jorge – Carazinho – RS


Gostaria de compartilhar esta nova etapa de minha vida, que começou a partir da cirurgia refrativa que fiz com sua EQUIPE, de pessoas maravilhosas, comprometidas com seu trabalho e suas finalidades. Havia deixado de fazer, participar, praticar, diversas coisas em minha vida, futebol, natação, etc. Faltam palavras para dizer e agradecer pelo que fizeram, vocês são maravilhosos.

“As vezes, algo que parece tão simples para algumas pessoas é o grande sonho de outras”. Obrigado mais uma vez, pois esse era o sonho que tinha!

Cristian Luiz Klein Rossetto – Novo Barreiro – RS


Meu nome é Cristian Luiz Klein Rossetto, tenho 16 anos, moro em Novo Barreiro/RS, no ano passado comecei a perceber que a minha visão estava ficando meio embaralhada, então resolvi ir consultar num oftalmologista que atendia na minha própria cidade, ele me mandou fazer um exame, pois estava desconfiado que eu tivesse ceratocone. Então resolvi ir consultar em uma médica de Passo Fundo/RS, essa médica me mandou fazer o mesmo exame que o outro médico tinha recomendado fazer, e o resultado era que eu tinha ceratocone, e imediatamente ela me indicou a Dra. Ivanise Dressler.

Logo na minha primeira consulta a Dra. Ivanise falou sobre o crosslinking, e já marcamos a data pra realizar o mesmo. Eu tenho ceratocone nas duas córneas, e fiz o crosslinking nas duas, o crosslinking foi feito primeiro na córnea direita, pois era a córnea em que o ceratocone estava mais avançado, e após mais ou menos uma semana foi feito na córnea esquerda.

A realização do crosslinking é totalmente tranquila, a anestesia é festa com colírios anestésicos, é pingada uma vitamina no olho, e após isso recebe uma radiação por volta de 30 minutos, e logo após a cirurgia o paciente é liberado para ir pra casa.

Já faz em torno de 6 meses que fiz essa cirurgia, e agora fui fazer uma revisão pra ver como estava minha córnea e minha visão, para minha felicidade a cicatrização da córnea estava perfeita, tinha diminuído a curvatura do meu olho, e minha visão estava melhor.

Quero agradecer muito a Dra. Ivanise, e a todos os profissionais do Hospital da Visão, meu muito obrigado.

Keli Toniollo Jacobi – Barracão – RS


Realizei o procedimento faz pouco tempo, foi no mês de julho (realizei a primeira consulta em uma quarta-feira e na sexta-feira já realizei o procedimento). Posso afirmar que é tranquilo o que pesa mais é o nervosismo e o medo, pois é um procedimento cirúrgico e, como qualquer outro, o próprio nome assusta, é normal. Mas quanto ao procedimento, o mesmo se dá com uma previa anestesia local, por meio de colírios anestésicos e sob intervalos é pingada uma vitamina B2, muito importante, a Riboflavina.

Tudo para facilitar o procedimento. Não é necessário realização de injeções, anestesia geral. Posteriormente, o olho é submetido a uma radiação ultravioleta por um tempo de 30 minutos. Nesta fase o mais importante é concentrar e pensar que todas as fases fazem parte de um conjunto que objetiva favorecer nossa visão, como complemento a nossa saúde e bem estar. Por fim, logo após o procedimento, o paciente é liberado para ir para casa.

Juliano Sutil de Oliveira – Lagoa Vermelha – RS


Me chamo Juliano Sutil de Oliveira, tenho 21 anos, sempre consultei com outro oftalmologista, mas, devido a informação que meu problema não teria mais solução a não ser um transplante de córnea, fui atrás de outro recurso, pois sou muito novo para fazer um transplante.

Através de amigos que me indicaram o Hospital da Visão e falaram que a Dra. Ivanise era uma ótima profissional, marquei uma consulta, e nesta consulta fiz vários exames, nos quais consegui saber como estava o estado avançado do ceratocone e várias cicatrizes devido as lentes de contato incorretas para meu problema.

Nesses exames a doutora viu que o estágio do ceratocone estava bastante avançado, e me apresentou o crosslinking, e me falou que eu tinha que fazer o quanto antes. Nesse momento não pensei muito e logo marquei a cirurgia.

Devido a grande capacitação profissional da Dra. Ivanise e de suas auxiliares que me passaram uma enorme confiança realizei a cirurgia que é muito tranquila, a anestesia é feita com colírios anestésicos, e com intervalos de tempo é pingada uma vitamina no olho, após isso o olho recebe uma radiação por volta de trinta minutos.

Hoje fazem mais de três meses que fiz a cirurgia e minha visão apresenta melhora, as cicatrizes que possuía, já sumiram, e agora sim estou adaptando as lentes corretas para o meu problema de visão.

Graças a Dra. Ivanise, que me apresentou o Crosslinking não precisei fazer um transplante de córnea. Gostaria de agradecer em especial a Dra. Ivanise, e a todos os profissionais do Hospital da Visão, pois sem eles minha vida não teria mudado tanto, meu muito obrigado!

Claudemir Hauch Júnior


Meu nome é Claudemir Hauch Júnior, tenho 20 anos, tenho astigmatismo e ceratocone nos meus dois olhos. Descobri que tinha a visão ruim a os 18 anos, logo após fazer um exame de visão requisitado para as aulas de habilitação dos condutores. Foi então que fui orientado a procurar um especialista.

Recomendado por amigos e parentes, eu consultei no Hospital da visão, onde fui amavelmente tratado durante todo o tempo. Fui então orientado a fazer todos os exames, que dariam um diagnóstico definitivo sobre o meu problema de visão. A competência dos profissionais do Hospital da visão aliado a tecnologia dos equipamentos foram preponderantes para o diagnóstico rápido e definitivo: Eu tinha astigmatismo e ceratocone nos olhos.

Após novas consultas e acompanhamento, ficou constatado pequenas pioras na visão do olho direito. Foi então que a Doutora Ivanise Dressler me apresentou a cirurgia de crosslinking. Seria a única maneira de evitar que a visão piorasse a cada nova consulta. Se eu não realizasse naquele estágio do ceratocone, depois não seria mais possível realizar a cirurgia, e eu correria o risco de ter que passar por transplante de córnea no futuro. O que seria praticamente certo se não realizasse o crosslinking.

Acompanhado da ajuda de meus pais e munido das melhores informações fornecidas pela Doutora Ivanise, decidi fazer a cirurgia.

Aliado à apurada técnica da equipe profissional do hospital da visão , a tranquilidade e a segurança transmitidos por eles foram determinantes para o sucesso do procedimento cirúrgico. Todas as etapas foram rigorosamente cumpridas, os colírios anestesiantes foram regularmente pingados, o que contribuiu para a minha sensação de segurança e bem-estar.

Hoje, um ano depois da realização da cirurgia, o estágio de ceratocone não evoluiu. Além do que se poderia imaginar, ele regrediu, e hoje eu apresento uma visão melhor do que era antes. Tenho uma ótima visão e perspectiva de um futuro melhor graças a completa estrutura do Hospital da visão, e em especial da competência da Doutora Ivanise Dressler.

Fica para sempre então o meu agradecimento e admiração por toda a equipe do Hospital da visão, os que acompanharam o desenvolvimento da minha doença nos olhos e que trabalharam e trabalham ainda para ajudar a melhorar a qualidade de vida de muitas pessoas.

Bruno de Rezende Nascimento


Olá, meu nome é Bruno de Rezende Nascimento, tenho 20 anos, dentre os 16 aos 18 anos fiquei dependente do uso de óculos de grau, porem nada adiantava, minha visão era muito ruim, toda embaralhada, fui em vários oftalmologistas e nada me respondiam sobre o meu caso.

Fiquei até meus 19 anos e meio assim, com a visão embaralhada, não conseguia nem ler mais, muito incomodado com isso, não queria mais ficar desse jeito e corri atrás de pessoas que realmente pudessem me ajudar. Logo tive informação que irei agradecer para sempre, fui informado que no Hospital da Visão havia médicos que poderiam sim me ajudar.

Foi no dia que conheci a Dra. Ivanise e a Paula, onde fui muito bem recebido por elas, e por todos do Hospital, pude falar o que sentia, e logo a resposta veio com toda a clareza, sem deixar nenhuma dúvida, tinha ceratocone, fiz todos os exames que a Dra. Ivanise me pediu, assim não demorando muito foi marcado a primeira cirurgia para tratar do problema de ceratocone.

A partir desse dia depositei minha confiança na Dra. Ivanise e marcamos a cirurgia de crosslinking.
Como de todas as vezes que fui muito bem recebido no Hospital da Visão, não iria ser o contrario naquele dia da cirurgia, todos profissionais estavam se empenhando para o meu bem estar, todos estão de parabéns pelo desempenho, paciência e o carinho que tens por nos pacientes do Hospital da Visão.

Agradeço muito a Dra. Ivanise pelo seu trabalho também, se não fosse ela e seu talento, hoje estaria passando por muita dificuldade para enxergar. Bom, o processo de cirurgia e recuperação são muito rápidos e o mais importante por se tratar de olhos, não senti dor alguma.

Fica meu agradecimento mais uma vez para todos os profissionais do Hospital da Visão, e em especial para Dra. Ivanise e a Paula, meu muito obrigado pela recepção e tratamento que tive por vocês, e a volta de uma visão “limpa” novamente.

Aqui fica meu pequeno depoimento do processo que tive no Hospital da Visão em Passo Fundo.

Muito obrigado.

Nilze Marques


Sou paciente da Dr. Ivanise mais de 8 anos, desde que descobri que tenho essa deficiência visual, o ceratocone. Uso lentes, e elas proporcionam desconforto e incomodo, ocasionando irritações e a própria doença ocasiona perda de visão.

Com o avanço da medicina, a Dra. me informou do novo processo para o não avanço da doença, uma técnica, sendo um processo cirúrgico, o Crosslinking, já fiz no olho direito e acabei de realizar no esquerdo, foi uma cirurgia de sucesso, obtendo ótimos resultados, mas não posso deixar de agradecer em especial a Dr. Ivanise excelente profissional, capacitada e dedicada com seus pacientes em todo o momento pré e pós cirúrgico, só tenho a lhe agradecer, e ao Hospital da visão, seus funcionários sendo sempre receptivos e atenciosos para com todos, excelente comodidades e com alta capacitação para todos os processos cirúrgicos, meu processo cirúrgico foi um sucesso pois o conforto e comodidade que obtive após o Crosslinking, é gratificante, muitos acham que por se tratar de uma cirurgia tem o receio em submeter-se, mas como paciente recomendo à todos portadores do ceratocone. Obrigada.

Celina da Silva Martins – Carazinho – RS


Fui operada de glaucoma nos dois olhos e graças a Deus hoje me sinto quase curada, embora ainda estar com o tratamento em andamento. Se Deus quiser e com mais dedicação e cuidados da Doutora Daniela, que é muito eficiente, com certeza ficarei bem.

A Doutora Daniela tratou meus olhos com muita dedicação e humanidade, mostrando-se sempre cuidadosa e acima de tudo demonstrando amor pelo seu trabalho e aos pacientes. Agradeço a Doutora Daniela, sua secretária e as enfermeiras que não mediram esforços para a minha recuperação e o sucesso do tratamento.

Arveni Duarte – Carazinho – RS


Meu nome é Arveni Duarte tenho 59 anos, descobri que tinha glaucoma 12 anos atrás e imediatamente procurei tratamento. Me tratei na cidade de Carazinho durante 10 anos mas nesse tempo procurei outros médicos, fui à Porto Alegre, Chapecó e Passo Fundo. Em Carazinho fui informada sobre a chegada de uma médica vinda de São Paulo à Passo Fundo especialista em glaucoma.

Imediatamente marquei uma consulta porque estava desesperada com início até de depressão e ninguém resolvia meu caso, gastava em torno de R$ 200,00 em medicamentos e não via resultados. Na primeira consulta a Dra. Daniela solicitou todos os exames necessários e iniciei um tratamento terapêutico durante 30 dias para ver se dava algum resultado, como não surtiu me submeti ao tratamento cirúrgico, tratamento esse que no decorrer desses 12 anos ninguém quis realizar.

Após a cirurgia o resultado foi excelente e graças a Deus e a Dra. Daniela hoje meu glaucoma está controlado e não faço uso de nenhum medicamento. Não tenho palavras para agradecer o que a Dra. fez por mim mas tenho certeza que Deus vai lhe abençoar por toda sua vida e sua família também, porque além de ser uma excelente médica é uma pessoa humana, querida e maravilhosa.

Peço para as pessoas portadoras de glaucoma que procurem um atendimento especializado como fiz com a Dra. Daniela e tenho certeza que se eu fiquei bem vocês também vão ficar.

Também quero agradecer a atenção de toda equipe da Dra. Daniela e peço que Deus abençoe a todas.

Sérgio e Inês Zamarchi – Guaporé – RS


Neste depoimento, minha máxima aspiração de esposa e acompanhante; é de reunir os resultados de longos dias, meses e anos, de experiências e publicá-las de uma forma fácil e compreensível, para o público em geral: Tenho feito todos os esforços para ensinar a mim mesma, como deveria contribuir para o êxito dessa tarefa.

Não é fácil; mas vale a pena começá-la, pois me dá grande satisfação e muita honra; e de um modo geral, colhemos bons frutos com o passar desse tempo. Este depoimento além de causar-me prazer e honra; tenho a intenção de continuá-lo escrevendo, falando, ou explicando sucessivamente a todos que possam interessar: Trata-se de um homem de um caráter único e de uma dignidade nobre; meu marido; Sérgio Zamarchi; desta forma, chego agora, a outra parte desse depoimento: no ano de 2006, foi diagnosticado por um oftalmologista de Guaporé/RS; onde residimos, que Sérgio tinha uma doença que se caracteriza pelo aumento da tensão intra ocultar, acarretando assim, perturbações visuais, talvez transitórias ou definitivas, denominada pelo nome de Glaucoma; até então não sabíamos ou conhecíamos o verdadeiro significado deste nome e doença.

Resumindo, feito vários exames, o Oftalmologista de Guaporé, constatou que o grau do Glaucoma do Sérgio, estava altíssimo; 44º, sendo que o máximo ou normal seria 20º, pois bem, aí começou a tortura, tanto visual, física e psicologicamente, dessa forma, o oftalmologista daquela época, nos deu certos esclarecimentos sobre esta doença e começou a tratar o Sérgio com dois colírios, que teria que usar pelo resto da vida, consequentemente, prescreveu óculos com lentes para longe a para perto, para não me prolongar tanto na primeira etapa, até 2009, todos os meses levava o Sérgio para medir a pressão da visão, os colírios tinham causado alguma melhora, entretanto, a pressão do olho direito, que era este que tinha o problema, oscilava sempre entre 14º e 18º, desta forma, levantamos muito que na época ele nunca nos informou que haveria uma possibilidade de fazer uma intervenção cirúrgica no olho, como que, estacionasse o Glaucoma, afirmo que meu marido começou no final de 2009, ficar cada vez mais tranquilo para o futuro, com temor de ficar com a visão totalmente perdida do seu olho direito, como poderíamos calcular a extensão e da gravidade dessa doença chamada Glaucoma? Que estava cegando ele, e se não bastasse isso, tinha também a catarata para ser retirada, e foi assim que pesquisamos na internet, encontramos o Hospital da Visão, em Passo Fundo/RS, tudo estava assim determinado.

Quando pela primeira vez chegamos no Hospital marcando a primeira consulta com o Dr. Gilberto Vargas – Cirurgião de Catarata e Cirurgia Refrativa, desta forma, até entrarmos em seu consultório, pensávamos que seria simples exames, para a retirada da Catarata, pois bem, feito o exame do olho direito, que era o doente, o segredo que este doutor nos revelou, com tantos esclarecimentos, sempre afirmando com toda a sinceridade, sempre posicionando com toda a clareza, firmeza e competência , que não seria possível retirar a catarata sem antes fazermos todos os exames referentes ao Glaucoma, sendo este, o maios risco da cegueira do Sérgio, mas não posso deixar de expressar aqui, o quanto esse profissional nos foi valioso em seus esclarecimentos, sua tranquilidade e competência e devo lembrar, que se mil anos viveria, lembraria sempre da frase que ele nos disse: “Lamento que vieram tarde demais, mas nós (ele e o Dr. Julio) vamos salvar o que ainda resta da visão no olho do Sr: Sérgio, resumindo: nos encaminhando ao Dr. Julio Cesar Somensi, Oftalmologista especialista em Glaucoma, no mesmo Hospital da Visão.

Desta forma, conhecemos o Dr. Julio,que iria examinar a visão do Sérgio, e fazer todos os exames cabíveis para a conclusão final, com o diagnóstico desses dois especialistas que souberam fazer a diferença, existem motivos que não estão ao alcance da nossa inteligência, mas foram esses dois grandes profissionais cada um em sua especialidade, que são dois grandes extremos, “ o instinto da vida e o instinto da Cura”… Com o Dr. Julio Cesar, após fazer toda a maratona de exames de Glaucoma, que ficamos um dia inteiro dentro do Hospital para no final da tarde, diagnosticarem os resultados e marcarem a cirurgia e é o meu dever de reconhecer sem sombra de dúvida, o profundo e comovente profissionalismo do Dr. Julio Cesar, após feito todos os exames com ele (Glaucoma, sua especialidade), por Deus, nós entramos em seu consultório apagados, sem luz, totalmente entregues à eles, para resultado dos exames, pois bem, era à eles que caberiam encontrarem a causa deste curioso fenômeno, e foi aí que nos deparamos com o grande e eterno antídoto, para cada alma, tem uma vela que ilumina, e sem piegas, tanto o Dr. Gilberto como o Dr. Julio, são dois seres humanos iluminados, cada um com sua especialidade, é certo, mas com competência, equilíbrio, sinceridade e nos passaram tanta segurança de que iam fazer a cirurgia, que até nossa alma e espírito se esvaziaram, se eu e meu marido estávamos na sala do Dr. Julio Cesar, apreensivos, apagados e temendo pelo resultado, acreditam no que eu vou dizer: “Entre diversos casos que vi e ouvi sobre um diagnóstico de Glaucoma, nunca poderei esquecer, desse em particular, como ele, Dr. Julio Cesar, exemplificou, orientou, explicou , com sua tranquilidade, equilíbrio, determinação, foi como se ele nos tivesse dado um sopro, um alento em nossos corações, tanto foi o apego por esses profissionais, que hoje, a liberdade de expressão entre médico e paciente é recíproca, e por falar em apego e carinho, atendimento, nossos sinceros e mais profundos agradecimentos para toda a equipe do Hospital da Visão, recepcionistas, secretárias, enfermeiras, enfim, falando-se do Hospital da Visão, fala-se “ Bem Vindo a Cura!…

A cirurgia foi marcada para o dia 25.05.2010, que durou aproximadamente 2 horas e 50 min, por quatro mãos abençoadas, valiosas, após a cirurgia, de catarata pelo Dr. Gilberto e de Glaucoma pelo Dr. Julio Cesar, suas palavras que até hoje ecoam em nossas mentes, que a cirurgia foi melhor do que esperado, foi um sucesso, apesar de ter sido uma cirurgia de risco e complicada, devida a gravidade em que o estágio do Glaucoma estava afetado o olho direito do Sérgio, hoje após 3 meses, da cirurgia, cada consulta, reconsulta, com o Dr. Julio Cesar (Glaucoma) é sempre muito gratificante, emocionante e compensador, tanto para o Dr.Julio como para o Sérgio, a pressão da visão dele é sempre 9 a 11, graças a este intervenção cirúrgica do Glaucoma, pois o líquido flui maravilhosamente bem, e sem esquecer que meu marido muito , muito mais nítido, e muito além do que antes, já foi prescrito as lentes dos óculos pelo Dr. Julio para perto , pois isso ele falou que após a cirurgia precisasse usar lentes para perto, para ler, escrever, somente! “ E eu não poderia encerrar este depoimento sem dizer que não valeria a pena deixar aqui 5 ou 6 linhas com poucas palavras, sei que fui além de um depoimento, mas jamais me perdoaria se não expressasse tudo o que eu e o meu marido sentimos, passamos, ouvimos e sempre acarinhados, abençoados, no Hospital da Visão e por último dizer ao Dr. Gilberto Vargas e ao Dr. Julio Cesar Somensi, que: Importa sim que se dê o justo valor a todos os recursos de que cada um possa valer-se no0 sentido de amparar o ser humano, no seu período mais crítico, estruturando-o, preparando-o, com os mais elevados moldes de personalidade e profissionalismo de vocês, está, encarada como um todo resultado do perfeito entrosamento das 3 verdades que a profissão de vocês integram: A Biológica, a Psicológica e a Social.

Obrigada, Dr. Gilberto, Dr. Julio Cesar, por terem feito meu amor enxergar, agora a vida mais colorida e de outras formas. Nossa mais profunda e calorosa gratidão por tudo.

Paula Vieda


Meu nome é Paula Vieda, tenho 25 anos, faz uns 3 anos que uso lentes de contato. Meu problema é o Ceratocone. No inicio foi difícil usar as lentes, mas fui usando aos poucos e quando vi já nem as notava nos meus olhos. Nossa é muito bom usar as lentes, a visão fica muito melhor.

O hospital da Visão recebe a gente muito bem nas consultas, desde o momento que ligamos para agendar até a hora de irmos embora, gosto muito das gurias de lá, assim motiva a gente a se empenhar a usar as lentes de contato.

E o que precisar é só ligar pra lá que ajudam. Troquei minhas lentes a alguns meses, no inicio foi complicado de novo, mas a doutora me auxiliou a usar poucas horas por dia e agora está tudo ok. OBRIGADA pelo atendimento de vocês.

Eloi Primaz


Já faz 10 anos que sou paciente da Drª Ivanise, e nesse tempo todo sempre tive um atendimento muito bom tanto pela Drª, quanto pela sua equipe. Uso lentes de contato, tenho miopia e desde que comecei a consultar com a Drª Ivanise a minha qualidade de vida melhorou muito, pois o atendimento e materiais usados por ela são todos de primeira linha e a adaptação foi muito rápida, só tenho a agradecer por tudo que a Drª Ivanise e sua equipe tem feito por mim nesse período. Quando chego ao hospital todos me chamam pelo nome, pois já me conhecem a muito tempo, de certa forma isso me dá muita confiança, pois percebo que estou em meio a amigos de longa data. Continuem assim, com essa excelência no atendimento. Um grande abraço.

Everson R. Caratti


Sou programador de computador e dependo 100% da visão para o meu trabalho.

Em 1990 descobri que tinha Ceratocone. Desde então usei vários óculos diferentes, sendo que conforme o tempo passava mesmo corrigindo o óculos, minha qualidade de visão foi piorando gradativamente.

Em 1998 fiz uma cirurgia de transplante lamelar de córnea, que apesar da recuperação demorada e dolorosa não surtiu melhoras, causando ainda um grau de Astigmatismo devido a cirurgia. Então tentei o uso de lentes de contato de vários tipos sem sucesso. Em 2004 me submeti a uma nova cirurgia para o implante dos Anéis de Ferrara que por pouco tempo resolveu razoavelmente o meu problema, voltando a se agravar em seguida. Em 2007 me submeti ao segundo transplante de córnea, desta vez, transplante completo. Resolveu definitivamente o meu Ceratocone,
porém a qualidade da visão continuou muito prejudicada, chegando a perder o controle do olho.

Em Janeiro de 2011 procurei a Dra. Ivanise que me indicou lentes de contato. Meus exames foram muito detalhados, o atendimento foi excepcional, tanto da Dra Ivanise quanto a sua equipe que muito me ajudou durante o processo de adaptação da lente. Como resultado desse
trabalho maravilhoso, hoje eu tenho uma visão muito boa, que me permite “viver” e desenvolver minhas atividades normalmente com uma qualidade que há muitos anos eu não tinha.

Sou muito grato pela atenção que recebi da Dra. Ivanise e equipe, pelo profissionalismo que demonstraram, e pelo empenho em resolver o meu problema. Mesmo morando em Mato Grosso, continuarei fazendo acompanhamento periódico com a Dra Ivanise em Passo Fundo/RS.

Marilia Cichetti – Tapejara – RS


É com muita emoção que falo do Hospital da Visão em especial a equipe da dra. Ivanise Dressler, por ironia do destino fui encaminhada ao Hospital e meu caso era um pouco grave mas eu nem imaginava o tamanho, naquele momento a Paula me orientou e carinhosamente explicou-me mais ou menos a minha situação e indicou que eu procurasse um especialista no caso, pois era ceratocone, e prontamente já fui atendida pela dra. Ivanise, uma excelente profissional, passei a usar lentes de contato, fazem mais de 03 anos que uso, me adaptei super bem, só não durmo com elas pois não há necessidade, desde então, meus olhos estão nas mãos desta maravilhosa equipe.
Um forte abraço a todos!

Gislaine Vieira


Em primeiro, lugar gostaria de agradecer pelo excelente atendimento da equipe do Hospital da Visão, a começar pela recepção até a equipe médica, como diz o gaúcho, “a gente se sente em casa”, rsrsrs… A Dr. Ivanise é muito carismática e sempre esclareceu minhas dúvidas, passando confiança e credibilidade. Sabemos que todos os nossos orgãos são importantes, mas tratando-se do olho, temos um certo medo, por ser uma área delicada, sendo que qualquer erro é fatal.

Em segundo, estou muito feliz de lente, nunca gostei de oculos, e quando me deparei com a miopia, fiquei triste por saber que teria que usar oculos. Bom, na primeira vez que estive nos hospital da visão optei em usar o oculos, mas não me adptei, usava quando necessário, então retornei e começei a usar as lentes de contato. Até hoje não tive problema nenhum com as lentes e não me importo de ter que colocar e tirar todos os dias. Penso em fazer a cirurgia de correção, mas ainda vai demorar um pouco. Estou usando as lentes há 2 anos e meio e estou muito FELIZ com elas. Só tenho a agradecer a todos do Hospital da Visão. Beijão a todos!

Arnaldo José Rech


Meu nome é Arnaldo Rech tenho miopia e astigmatismo. Uso lentes de contato rígidas há 05 anos.

Sou paciente da dra. Ivanise Dressler desde 2006 quando fui indicado por amigos na tentativa de melhorar meu conforto com as lentes e também de melhorar minha visão, pois, eu já usava lente há um ano e todos os dias, sentia desconforto, minha visão era embaçada, meus olhos viviam vermelhos e irritados e o oftalmologista quando eu retornava com queixas só me dizia que era assim mesmo, que eu tinha muita alergia e se eu quisesse continuar a usar lentes teria que me acostumar que com o tempo eu iria melhorar, mas, eu não melhorava nunca e foi então que decidi consultar com a Dra. Ivanise.

Excelente profissional, muito responsável, atenciosa, sempre preocupada em nos dar além de uma boa visão um conforto visual e Graças a Deus deu certo. Minha vida mudou! Fiz um tratamento para a alergia, a dra. fez vários testes e adaptou uma lente de contato nova e desde então uso minhas lentes o dia todo, minha visão é ótima, as lentes não me incomodam, e às vezes até esqueço que estou de lente de contato, coloco-as de manhã quando acordo e tiro-as apenas quando vou dormir a noite.

Estou muito feliz! Agradeço de coração por tudo que a dra. fez por mim. Abraço.

Alberi Pereira de Oliveira – Carazinho – RS


Sou morador do município de Carazinho e em dezembro de 2010 procurei atendimento neste hospital com o Dr. Julio Somensi para uma consulta, pois tinha pterígio nos dois olhos. No mês seguinte passei por uma cirurgia no olho esquerdo, fiquei um tempo em recuperação onde me senti muito satisfeito com o trabalho do Dr. Julio e sua equipe. Em seguida agendei a cirurgia para o olho direito, hoje estou perfeitamente recuperado dos dois olhos.

Agradeço ao Dr. Julio e sua equipe que me deixou 100% satisfeito com a minha visão, me dando condições de trabalhar normalmente.

Flavia Zanini da Silva


Quero agradecer ao hospital da Visão e toda sua equipe, mas principalmente ao Dr Júlio Somenzi pelo excelente trabalho realizado na minha cirurgia de Pterigio.

No dia estava muito nervosa e apreensiva com o procedimento, mas a equipe e o Dr Júlio me tranquilizaram, não senti dor em momento algum.

Recebi a indicação do Dr para usar a cola (mágica) em vez de fazer pontos, realmente, meu pós operatório foi ótimo, principalmente por não sentir dor e uma recuperação muito rápida.

Obrigado a Todos !

Alfredo dos Santos – Vacaria – RS


Esse é o segundo agradecimento que eu Alfredo dos Santos, 72 anos, casado, morador da cidade de Vacaria, RS, venho fazer ao Corpo Clínico do Hospital da Visão. Agora, na pessoa do cirurgião Dr. Fernando M. Heimbeck, que realizou no meu olho esquerdo uma exérese de pterígio.

Desnecessário dizer que é uma cirurgia complexa, desde o tratamento pré-cirúrgico ao tratamento de duração da mesma, sendo que também existe o desconforto dos pontos.

Quando fizemos a avaliação, o Dr. Fernando explicou-me a possibilidade de voltar o pterígio e a rejeição da membrana que seria implantada.

Mas, de todo esse procedimento, o que eu gostaria mesmo era de externar a minha gratidão pela atenção e cuidados recebidos de todos nesse hospital e de forma muito especial a esse magnífico cirurgião, Dr. Fernando.

Que Deus o abençoe sempre e que o conserve com essa extraordinária capacidade profissional, que eu considero Missão.

Um abraço do paciente e agora se permite, amigo Alfredo.

Padre Tenário Seibel


Posso assegurar que fui muito bem atendido pelos funcionários deste hospital. Fui melhor atendido pelas enfermeiras. Elas tem capacidade e jeitinho especial de pingar o colírio para dilatar a vista. Louvor especial merece o Dr Caio Augusto Scocco pela esclarecedora consulta. É admirável sua técnica na cirurgia, afirmo que não sofri dores em todo o procedimento. Também elogio os esclarecimentos corretos e exatos para o período da recuperação.